Pacientes e profissionais da saúde do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD) do Paranoá poderão participar pela primeira vez da 36ª edição do tradicional Festival de Artes de São Cristovão, em Sergipe (SE). Para custear passagem, hospedagem e alimentação, com o valor total de R$ 8 mil, o grupo resolveu criar uma vaquinha virtual. As doações podem ser feitas até 8 de novembro pelo site www.vakinha.com e ID 759239.

A iniciativa é do nutricionista Everton Santos e do artista Tom Melo, que integram o grupo Mulheres Empreendedoras e Guerreiras. Na área da saúde mental, eles desenvolvem projetos terapêuticos, como artesanato, horta, e oficinas voltadas para o bem estar e saúde para quem sofre com vícios em geral, principalmente drogas e álcool.

“Nosso objetivo é promover o intercâmbio cultural, valorizar nossos artistas, possibilitar a exposição e até mesmo venda de produtos, além de poder discutir o estigma da loucura com a sociedade, que muitas vezes coloca o ‘louco’ como alguém perigoso ou sem condições de realizar atividades laborais.”, explica Everton.

O 36º Festival de Artes de São Cristóvão será realizado de 14 a 17 de novembro, no município de Sergipe. A programação conta com apresentações de música, poesia, literatura, exposições, rodas de conversas, cinema, cortejos, teatro e dança, com espaço especial destinado ao artesanato. Entre as atrações musicais destacam-se Gilberto Gil, Banda The Baggios, Cordel do Fogo Encantado, Naurêa, Cidade Dormitório, Orquestra Sinfônica de Sergipe, entre outras.