Reportagem: JB Grupo Empresarial

Cognição é o processo ou faculdade de aprender e resolver problemas. Carlos Rabello, filósofo e estudioso de psicologia, sabe da importância disso. Lembra que na infância e adolescência vivia desmotivado para aprender. “Na escola eu não via sentido em aprender certas disciplinas. Era uma tristeza”, diz ele. Para superar as dificuldades de aprendizado passou a estudar e desenvolver habilidades cognitivas nele próprio.

Hoje Carlos Rabello oferece curso que facilita o aprendizado, inspirado no ‘Método Feuerstein’, criado pelo israelense Reuven Feuerstein, para casos extremos de ‘desenvolvimento atrasado’. Feuerstein colaborou para integrar imigrantes ao recém-criado estado de Israel, após a segunda guerra mundial. Ele aplicava testes de QI que pontuaram baixíssimo. Se essas pessoas fossem deixadas por conta própria, acabariam marginalizadas. Após 20 anos de trabalho focado nas habilidades cognitivas, Feuerstein lançou seu ‘Programa de Enriquecimento Instrumental’.

O grau de capacidade cognitiva de uma pessoa está diretamente relacionado ao seu grau de sucesso acadêmico e profissional. Por isso muita gente procura ajuda para elevar seu nível de aprendizado e conhecimento. “O processo dura entre um e dois anos, variando conforme a resposta de cada indivíduo. Fora das escolas o público alvo é formado por pessoas de 25 a 40 anos, que querem ampliar sua inteligência”, diz ele.

A essência do curso oferecido por Carlos Rabello está em maximizar a capacidade cognitiva das pessoas, como parte da educação. Envolve principalmente pais, estudantes e instituições de ensino. Mas é também um método para intermediar a inserção de pessoas, de maneira proativa, em seus meios sociais, econômicos e culturais. É muito útil às diversas profissões e à vida em geral. Faça uma consulta!

Contatos

Telefone: (21) 9 9875.9651

Rua Barão da Torre, 168. Ipanema – Rio de Janeiro.

Inscrições: www.ferramentasdainteligencia.org 

Últimos posts por Janaina Scartazzini | Colunista de Variedades (exibir todos)