O ano tem sido intenso e atípico para os trabalhadores brasileiros que se viram em meio a uma pandemia e a mesma afetar e abalar seus empregos e vidas financeiras. De acordo com uma pesquisa feita pelo Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), em maio, eram mais de 10,1 milhões de desempregados, com a contínua pesquisa, em setembro, esse número passou para 13,5 milhões, com um aumento de 33,1%, divulgou o IBGE. Com isso, muitos precisaram recorrer ao plano B, o que levou a abertura de 1,4 milhão de novas micro e pequenas empresas no país.

Camila Miglhorini, dona da rede de comidas saudáveis Mr. Fit, tem grande parcela nesse aumento de novos empreendedores que estavam desempregados. A empresária enxergou nos problemas (pandemia e isolamento), uma oportunidade para seu negócio e para novos franqueados, triplicando seu faturamento. E os números comprovam isso. No começo do ano, eram 144 lojas franqueadas espalhadas pelo Brasil, hoje, ela conta com mais de 390 lojas, aumento de mais de 100%, — com estratégia traçada para 400 até o fim do ano —, com franquias entre R$4 mil reais a R$300 mil reais, dobro do aumento de funcionários e abertura de fábrica própria.

O segredo? “Parei, analisei o que eu já tinha e fui buscar alternativas diante do que tinha em mãos. Com o isolamento, adaptei o modelo de negócio que eu tinha ao que o mercado ia pedir”, conta a empresária. O “Mr. Fit Home Office” foi criado há quatro anos e com valores, prazos e multas adaptados a economia atual, reduzindo assim de R$25 mil reais para R$4 mil reais o valor de franquia gerando oportunidades. Camila foi em busca de parcerias com operadoras de cartões de crédito e débito com pagamento de franquia em seis vezes sem juros e com transportadoras para fazer a redução do valor sem reduzir a qualidade que tinha para apresentar seu modelo de negócio. Ela conta que muitos que recorram a Mr. Fit como plano B, com o lucro, a tornaram plano A em sua renda financeira.

Para 2021, a empreendedora olha com otimismo e quer manter o crescimento deste ano com grande ambição. Com sua marca consolidada, anuncia que haverá a abertura de franquia em Portugal, que foi adiada devido a pandemia, e em outros países e cidades no Brasil onde ainda não há um franqueado.