O último fim de semana do CCBB Educativo setembro está superinteressante, com opções de entretenimento e conhecimento para crianças e suas famílias, educadores e público em geral, inclusive com atividades acessíveis, traduzidas em libras. Serão quatro atrações: Processos compartilhados (Especial Setembro Azul – Acessibilidade para Projetos Culturais); Lugar de Criação (Eu Faço Meu Brinquedo – VoAr); Atividade Extra Setembro Azul (Oficina de fotografia) e Múltiplo Ancestral.     

O CCBB Educativo investe em ações inclusivas e afirmativas para estreitar as relações com a comunidade escolar, educadores, pessoas com deficiência, famílias, organizações não-governamentais, artistas, movimentos sociais, profissionais dos campos da arte e da cultura e interessados.

Todas as atividades são gratuitas, mas para participar de algumas delas é necessária uma pré-inscrição.

Sobre as Atividades

LUGAR DE CRIAÇÃO

Todos os fins de semana, o educativo desenvolve programações especiais visando a ocupação, a convivência, a criação e o diálogo com a arte, para as crianças e suas famílias. O Lugar de Criação é um projeto dedicado ao público infantil, com interesse na experimentação da arte e das linguagens contemporâneas. Nele, os educadores e, por vezes, artistas convidados, realizam atividades e intervenções que estimulem a socialização, a curiosidade, a descoberta, a reflexão, o fazer coletivo e a cultura do brincar.

MÚLTIPLO ANCESTRAL

Plataforma de trocas entre o público, as mestras e mestres ligados a diferentes saberes e práticas culturais, articulando a memória, o afeto e o patrimônio.

PROCESSOS COMPARTILHADOS

Curso aborda aspectos da concepção, montagem, expografia e reflete sobre as especificidades de uma exposição. Voltado para formação de artistas, educadores, críticos, curadores e demais profissionais do campo da arte e da produção cultural. Utilizará as montagens das exposições como potente espaço de formação profissional nos quais serão evidenciadas questões como: iluminação, sinalização, peças gráficas, concepção e atividades educativas.

PROGRAMAÇÃO

PROCESSOS COMPARTILHADOS

26/09 (das 14h às 19h)

Especial Setembro Azul – Acessibilidade para Projetos Culturais

Convidada: Bárbara Barbosa

Sinopse: Acessibilidade em Ambientes Culturais para Produtores Culturais, artistas e educadores – Durante o workshop serão abordadas as principais questões ligadas aos recursos de acessibilidade na produção cultural, tais como: legislação local e federal, editais de incentivo à cultura,  público com deficiência e seus direitos, prestação de contas de acessibilidade.

Sobre Bárbara Barbosa: Especialista em Acessibilidade em Ambientes Culturais, consultora e coordenadora de Acessibilidade em Eventos Culturais, palestrante, CEO da Abayomi Produções e Acessibilidade, intérprete de libras e especialista em Acessibilidade. Foi Gerente de Inclusão e Acessibilidade na Secretaria de Cultura do Distrito Federal de e coordenou a Acessibilidade e Inclusão do Carnaval no Parque 2018.

Processo de inscrição por formulário on-line: www.ccbbeducativo.com 

LUGAR DE CRIAÇÃO

28 e 29/07

Das 10h às 12h e das 15h às 17h

Eu Faço Meu BrinquedoVoAr 

Investigando o elemento Ar, serão confeccionadas pipas. Com a ajuda das pipas, os participantes vão ampliar a percepção sobre as coisas do mundo. 

ATIVIDADE EXTRA

28/09 (das 15h às 16h30) (LIBRAS)

Setembro Azul – Oficina de Fotografia

Convidado: Johnnatan Albert

Sinopse: Nesta oficina haverá uma comunicação pré-sessão fotográfica para aprender sobre a promoção de um espaço onde as famílias se sintam livres e confortáveis para serem elas mesmas. Em seguida, o grupo refletirá sobre o significado da pose na fotografia, abordando a direção na linguagem do retrato. A fotografia espontânea não é fácil, mas todo fotógrafo pode encontrar êxito com ela. O curso também abordará práticas e equipamentos a fim de encontrar uma forma prazerosa de fotografar.

Sobre Johnnatan Albert: Johnnatan Albert é um fotógrafo surdo e mora em Brasília. É formado em Sistemas de Informação pela UDF. Trabalha com fotografia. Fez o curso de cinema para surdos no contexto do projeto SURDO CINE e dirigiu o curta-metragem “Libras é Merda?” sobre as dificuldades de comunicação enfrentadas por pessoas surdas no cotidiano.

MÚLTIPLO ANCESTRAL

29/09 (às 17h)

Convidada: Eliana Carneiro

Sinopse: Lia de ManaKáconta histórias do outro lado de lá. No entanto, o boneco e palhaço QuiriQuiri, das terras daqui e dali, tenta roubar a cena. Lia é uma figura atemporal, uma espécie de “mestre-dançarina de cerimônias” que convida o público a participar da cena de forma encantadora e divertida. É interpretada pela atriz-dançarina Eliana Carneiro da Cia Os Buriti. O espetáculo é ambientado com as músicas memoráveis de Chiquinha Gonzaga.

Sobre Eliana Carneiro: Eliana Carneiroé atriz, dançarina, diretora e ilustradora. Montou e dirigiu mais de 20 espetáculos no Brasil e fundou a Cia Os Buriti em 1995. Apresentou-se em várias cidades brasileiras e participou de festivais na Espanha, Portugal, Itália, Nova Iorque, Paraguai, Romênia e Índia. Tem diversos livros infanto-juvenis publicados com suas ilustrações e textos.

Visitas educativas agendadas

Ter, Qua, Qui, Sex

Duração: 1h30

Ter a sex: 9h30, 10h30, 14h, 14h30 e 15h30

Qua e qui: 9h30, 10h30, 14h, 14h30, 15h30 e 19h

E-mail para agendamento: [email protected]

Os educadores realizam visitas agendadas, inclusivas, com grupos escolares e não escolares, visando criar um espaço de diálogos e trocas de experiências e saberes aliado às práticas artísticas, culturais e sociais, abordadas pelas exposições e demais programações do CCBB. As visitas são oferecidas nas manhãs, tardes e noites, para acolher os estudantes na sua diversidade de realidades e contextos educacionais.

No momento do agendamento é possível escolher entre opções de visitas com atelier, visita à exposição ou visita patrimonial. Às quintas, às 14h30 há um horário disponível para a visita em Libras, exclusivo para grupos agendados.

Visitas mediadas

Ter, de 12h às 13h | 17h às 18h | 18h às 19h

Qua a sex, de 12h às 13h | 18h às 19h

Sáb, de 12h às 13h | 18h às 19h

Domingos e feriados, de 12h às 13h | 18h às 19h

Até 20 pessoas. Não necessita agendamento.

O grupo será formado 15 minutos antes do horário da visita.

Nesta visita os educadores se juntam ao público, para dialogar, compartilhar e trocar olhares, leituras e produções de significados em torno das produções, práticas, contextos e trajetórias dos artistas que participam do acervo do Museu do Banco do Brasil ou da exposição “VAIVÉM: Redes de dormir e Artes Visuais no Brasil”, em cartaz no CCBB DF do dia 03/09 a 10/11.

Visitas mediadas em libras – Especial Setembro Azul

Ter, às 18h, sex às 19h e sáb às 17h

Até 20 pessoas. Não necessita agendamento.

O grupo será formado 15 minutos antes do horário da visita.

Seguindo os mesmos princípios da visita mediada, a visita em Libras é realizada em Libras com tradução em português. Ela acolhe pessoas surdas e/ou com deficiência auditiva e ouvintes, numa experiência compartilhada com os educadores das exposições. São realizadas duas vezes por semana, com dias e horários pré-definidos por cada CCBB, sem necessidade de agendamento.

Informações, dúvidas e agendamento:

61 3108-7624 | [email protected] | www.ccbbeducativo.com