EM SUA SEGUNDA EDIÇÃO, PROJETO GLOBAL EMBASSY DEBATE EXPERIÊNCIAS FEMININAS NO MERCADO DE TRABALHO

Créditos: Mari Soares

O mês de junho celebrou a segunda edição do Global Embassy, na Embaixada do Reino dos Países Baixos, com o tema “O potencial feminino nas organizações e a equidade salarial”. O projeto, idealizado pela Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais (BPW Brasília-DF), tem como objetivo compartilhar ações que visam a igualdade de gênero nos mais diversos países. “Foi enriquecedor escutar as experiências do Reino dos Países Baixos na luta por políticas públicas votadas para as mulheres. A cada edição surgem novas ideias entre as participantes a serem aplicadas no Brasil e assim diminuir as desigualdades que ainda existem”, destaca a presidente da BPW Brasília, Cristina Melo.

Créditos: Mari Soares

Participaram do painel como palestrantes o embaixador Han Peters e a Administradora de Taguatinga, Karolyne Guimarães. Eliane Cunha, assessora para relações sociais da BPW Brasília, foi a mestre de cerimônia, e Camila Ribeiro, coordenadora da BPW Brasília Jovem, fez a mediação do painel. A embaixatriz do Reino dos Países Baixos, Alessandra Camargos, enriqueceu o evento destacando aspectos da cultura do País, como a produção da porcelana de Delft, hoje conhecida e consumida pelo mundo inteiro, inclusive pelos chineses.

Créditos: Mari Soares

O painel também contou com a participação da presidente da BPW da Holanda, Puck  Bossert, que gravou um vídeo compartilhando as experiências das holandesas. “Ainda existem muitas diferenças entre homens e mulheres. Aqui o Governo está criando algumas ações e, uma delas, é um projeto de uma nova lei de igualdade salarial”, ressaltou. A idealizadora e coordenadora do projeto, a vice-presidente da BPW Brasília-DF, Marília Furlan, destacou os resultados do evento: “A partilha de ideias e experiências têm se mostrado enriquecedora para todas as mulheres que buscam superar obstáculos e querem se destacar”, afirmou.

A empresária brasileira, Vivianne Carvalho Gil, que tem negócios no País das tulipas, também contou um pouco de sua experiencia lá. “Na Holanda também temos ainda muitos desafios a serem vencidos. Ainda não chegamos ao ponto ideal de total igualdade”, destacou.

Créditos: Mari Soares
O evento acontece mensalmente e circula por várias Embaixadas. A primeira edição aconteceu em maio, na Embaixada do Canadá, e trouxe uma importante visão de como as mulheres daquele país estão progredindo rumo à equivalência salarial. A repercussão foi muito positiva, como ressaltou a presidente da BPW Rio de Janeiro, Patrícia Cárceres, também elogiou a iniciativa. “A aliança intercultural é um grande caminho para o fortalecimento e empoderamento da mulher, tanto do setor econômico quanto em todas as outras esferas da sociedade”, completa Patrícia.

 

Sobre a BPW – A BPW – Business and Professional Women é uma Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais. É uma Organização Não Governamental – ONG, sem fins lucrativos, de utilidade pública e sem finalidade política partidária. Fundada na Suíça em 1930, pela Dra. Lena Madesin Philips,  a organização internacional está presente em mais de 100 países e conta com cerca de 40 mil mulheres associadas. A BPW integra agências da ONU, ECOSOC, CSW, OEA, OIT e participa de eventos internacionais públicos e privados, que discutem, apoiam e fiscalizam o desenvolvimento das políticas públicas para mulheres e cumprimento dos acordos internacionais.

A missão da instituição é: “Agregar mulheres de negócios e profissionais orientando e coordenando seu desenvolvimento pleno nas esferas de poder público e de mercado”. Realiza inúmeros projetos que fomentam o empreendedorismo e a capacitação de lideranças para melhorar a qualidade de vida de mulheres e meninas em todo o mundo. Também busca a promoção de melhores condições para a participação feminina nos setores produtivos, nos negócios, no comércio e nas profissões.

Serviço

Site:http://www.bpwbrasiliadf.com.br/a-organizacao/

Copyright© 2018 | Gazeta Brasília - Jornal Online de Brasília | contato@GazetaBrasilia.com.br